Conheça os principais sintomas do câncer de próstata

Conheça os principais sintomas do câncer de próstata

Novembro Azul é o mês de referência de cuidados com a saúde do homem. Além de conscientizar em relação ao câncer de próstata, a campanha tem por objetivo incentivar o diagnóstico precoce, já que as possibilidades de êxito no tratamento chegam a 90% dos casos.

Considerada uma das doenças silenciosas que mais causa óbitos a pessoas do sexo masculino, o câncer de próstata vem aumentando o número de vítimas no País e já chamou atenção também dos motoristas de caminhão, que já estão conscientes da importância em detectá-la ainda no seu início.

Anualmente no Brasil, 62 mil novos casos são registrados e 13 mil deles terminam em óbito. Além disso, em cada seis homens, um será acometido pela doença em algum momento da vida, conforme alerta o médico Fernando Justo, urologista da Santa Casa de Mauá.

É importante que os exames preventivos sejam iniciados por volta dos 45 anos. Entre os principais exames para identificação da doença estão o PSA, toque retal e o pet scan ou tomografia computadorizada, que detecta precocemente se há tumor ou metástase. Vale lembrar que somente o primeiro exame não elimina o segundo, ambos se complementam.

O preconceito, segundo o especialista, é o principal fator que impede os homens de fazerem os exames preventivos e como consequência aumentar a estatística de mortes pela doença. “A ausência de sintomas não deve ser vista como exclusão do exame periódico. O tratamento mudou, não há motivo para ter medo. Além de ser menos invasivo, o pet scan entrega diagnóstico preciso”, acrescenta.

Outro dado importante é que as causas da doença estão ligadas aos maus hábitos alimentares, fator hereditário e uso excessivo de testosterona, que pode causar sérios danos à saúde. “Desta forma, a visita ao urologista uma vez por ano é fundamental. Uma boa alimentação com frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais, com menos gordura, podem diminuir o risco da doença, bem como, atividades físicas regulares”, ressalta o médico.

O que é próstata?

A próstata é uma glândula que só o homem possui e que se localiza na parte baixa do abdômen. Ela é um órgão muito pequeno, tem a forma de maçã e se situa logo abaixo da bexiga e à frente do reto. A próstata envolve a porção inicial da uretra, tubo pelo qual a urina armazenada na bexiga é eliminada. A próstata produz parte do sêmen, líquido espesso que contém os espermatozóides, liberado durante o ato sexual.

Dados do câncer de próstata

No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens (atrás apenas do câncer de pele não-melanoma). Em valores absolutos e considerando ambos os sexos é o quarto tipo mais comum e o segundo mais incidente entre os homens. A taxa de incidência é maior nos países desenvolvidos em comparação aos países em desenvolvimento.

Mais do que qualquer outro tipo, é considerado um câncer da terceira idade, já que cerca de três quartos dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos. O aumento observado nas taxas de incidência no Brasil pode ser parcialmente justificado pela evolução dos métodos diagnósticos (exames), pela melhoria na qualidade dos sistemas de informação do país e pelo aumento na expectativa de vida.

Importância do diagnóstico precoce

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a detecção precoce de um câncer compreende duas diferentes estratégias: uma destinada ao diagnóstico em pessoas que apresentam sinais iniciais da doença (diagnóstico precoce) e outra voltada para pessoas sem nenhum sintoma e aparentemente saudáveis (rastreamento).

O diagnóstico precoce é de suma importância para a cura.

Procurar um especialista é o primeiro passo para iniciar o acompanhamento, que pode envolver diversos tipos de exames, como o PSA total, o PSA livre – e a relação livre/total, a ultrassonografia prostática e o toque retal.

Prevenção

Já está comprovado que uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais, e com menos gordura, principalmente as de origem animal, ajuda a diminuir o risco de câncer, como também de outras doenças crônicas não-transmissíveis.

Hábitos saudáveis também são recomendados, como fazer, no mínimo, 30 minutos diários de atividade física, manter o peso adequado à altura, diminuir o consumo de álcool e não fumar.

A idade é um fator de risco importante para o câncer de próstata, uma vez que tanto a incidência como a mortalidade aumentam significativamente após os 50 anos.

Pai ou irmão com câncer de próstata antes dos 60 anos pode aumentar o risco de se ter a doença de 3 a 10 vezes comparado à população em geral.

Sintomas

Em sua fase inicial, o câncer da próstata tem evolução silenciosa. Muitos pacientes não apresentam nenhum sintoma ou, quando apresentam, são semelhantes aos do crescimento benigno da próstata (dificuldade de urinar, necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou a noite).

Mas, com o tempo, o tumor cresce e pode provocar sangramento, dificuldades de urinar, alteração de cor, sensação de queimação, problemas para manter a ereção e o não esvaziamento completo da bexiga. Porém, os sintomas também podem significar alterações benignas, como próstata aumentada.

Na fase avançada, pode provocar dor óssea, sintomas urinários ou, quando mais grave, infecção generalizada ou insuficiência renal.

Matéria Original: https://www.ocarreteiro.com.br/conheca-os-principais-sintomas-do-cancer-de-prostata

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *